fbpx Faturação Eletrónica: Uma questão de sustentabilidade ambiental | YET
faturação eletrónica uma questão de sustentabilidade ambiental

O empresário. O consumidor. O Estado. Todos procuram formas de dar resposta às necessidades do ambiente. A busca por meios de produção sustentáveis é uma exigência que se impõe à sociedade e a inovação tecnológica surge como resposta a essa exigência.

Transformar práticas de gestão e processos de produção

A sociedade atual encontra-se profundamente marcada pela crescente consciencialização da população por questões de matéria ambiental. O gestor dos dias de hoje enquadra-se neste contexto e procura, cada vez mais, alternativas inovadoras e sustentáveis.

Mas inovar não se resume à criação de novos produtos ou serviços através da tecnologia! Inovar passa por transformar práticas de gestão e processos de produção em prol de um crescimento sustentável que deve ser favorável a todos.

Inovação e Sustentabilidade

Confrontados pela realidade e conscientes da escassez dos recursos naturais, hoje os gestores e decisores tendem a reconhecer novas oportunidades de mercado, sobretudo quando assistem ao casamento entre a inovação e sustentabilidade. O equilíbrio deve ser ambiental, social e económico. A inovação deve gerar mudança em todos os aspetos da vida social. Na tecnologia, a inovação passa por quebrar os estímulos do superconsumo e das pressões sobre os recursos naturais. Ela deve impulsionar novas técnicas de produção e de organização com efeitos positivos para o ambiente e para a sociedade.

Para além de ser uma forma de preservar o ambiente e o futuro, aliar inovação à sustentabilidade traduz-se, muitas vezes, numa forma de reduzir custos desnecessários e impulsionar o negócio na direção certa.

Benefícios da faturação eletrónica: Uma gestão mais sustentável

Hoje o consumidor é informado e está atento às questões ambientais. Procura consumir com consciência e é exigente. Isto conduz empresas e empresários no sentido da sustentabilidade ambiental, alavancados não só pelo consumidor, mas também pelo Estado.

Por isso, não é de estranhar que a legislação seja apertada e as empresas comecem a ser forçadas a adotar tecnologias sustentáveis e medidas eficientes.

Medidas como por exemplo o Decreto Lei nº 198/2012, que generalizou a utilização da fatura eletrónica em Portugal, denunciam evolução e dão origem a práticas de gestão mais sustentáveis.

A fatura eletrónica contém toda a informação que a tradicional fatura em papel costumava ter. O valor legal do documento é exatamente o mesmo, desde que seja utilizado um software de faturação que garanta a autenticidade e a integridade do conteúdo.

A verdade é que a generalização da utilização da fatura eletrónica originou práticas simples que produziram impacto nas empresas e no ambiente. São práticas que incluem:
– O desaparecimento de recursos como envelopes ou faturas em papel;
– Fim dor portes de correio;
– A redução da utilização de recursos que incluem materiais de impressão como papel, toners ou impressoras;
– A agilização da distribuição interna das faturas, gestão de pagamentos e gestão de fundos;
– Fim do arquivo/armazenamento físico das faturas e outros documentos.

Assim, a utilização de faturação eletrónica, mais que gerar rentabilidade, reduz o desperdício de recursos e contribuí para um ambiente melhor!

Conheça as nossas soluções de faturação eletrónica e saiba quanto poderá poupar com as soluções da YET.

Top